Categoria: Poemas

O mundo está doente

Nuvens densas e escuras cobrem o azul do céu; Sangue no asfalto, vidas jogadas ao léu. Ilusões dramáticas, eternos pesadelos; E no ano que vem como é que estaremos? ‘Amigos’ que se traem e ‘amigos’ que se vão, magoando, machucando e ferindo um coração; agem como se a indiferença sobrepusesse-se à união; imbecis, ignorantes, é … Continuar lendo O mundo está doente

Anúncios