Skip to content
Anúncios

Porque escrevo sobre meio ambiente

As vezes paro para pensar porque resolvi escrever sobre meio ambiente em geral: águas, florestas, poluição, humanos, etc. É um assunto de pouco destaque, não é entretenimento, e muitas vezes é até meio triste, devido a forma como nós seres humanos temos conduzido a destruição de nosso planeta. Ou seja, é uma assunto muitas vezes pesado.

Mas se tem tantos inconvenientes, por que escrevo sobre isso? Em primeiro lugar, porque gosto. Gosto não, amo escrever sobre a natureza, não só escrever, mais vivenciá-la. A maior parte dos textos que escrevi para o blog tiveram origem em vivências práticas e foram experiência muito proveitosas. Alguma sofridas, outras agradáveis, mas no final tudo é experiência. Também gosto de escrever sobre o assunto para passar o conhecimento que tenho adquirido ao longo do tempo. Tenho inclusive uma série de histórias chamada de Mundo Paralelo, que trato de temas ambientais de forma lúdica e que pode ser trabalha em sala de aula.

Escrevo também sobre meio ambiente para alertar as pessoas de que estamos correndo risco. A medida que os anos passam mais evidente fica que precisamos mudar agora ou não haverá mais tempo para mudanças. Não sou alarmista nem ecochato, mas o que tenho acompanhado ao longo dos anos, de artigos e estudos que tenho lido, além das minhas constantes observações, levam-me a crer sobre isso. No ano de 2017 por exemplo, nem o rio Meia Ponte em Goiânia, cidade onde vivo escapou de secar por conta da duríssima estiagem que atingiu o estado de Goiás, terra do Cerrado, berço das águas. Mas não foi só aqui, vários estados passaram por situação parecida. Então acredito que esses sejam bons motivos para não deixar de escrever.

O blog tem um público quase em sua maioria formado por estudantes, desde crianças até pessoas fazendo especializações. Digo isso pelos comentários que recebo nos posts publicados ou porque nos meses de férias as visitas caem bastante. Gostaria muito que a mensagem que procuro passar atingisse mais pessoas. Se ainda não atinge um maior público, já fico contente por todos aqueles que encontraram suas respostas no blog em suas pesquisas, não somente pessoas aqui do Brasil, mas do mundo todo. Enquanto tiver saúde, disposição e ideias para continuar escrevendo, estarei. E se teremos uma conscientização ambiental mais forte daqui a alguns anos? Só o tempo dirá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: