Skip to content
Anúncios

Grupo da sociedade civil organizada da cidade de Inhumas realiza conferência sobre sustentabilidade.

A Conferência Inhumas Sustentável 2017, ocorrida no dia 28 de outubro, foi uma iniciativa de um grupo da sociedade civil organizada, a Comissão Inhumas Sustentável, composta de pessoas da comunidade inhumense preocupados com graves problemas que afetam nossa população.

Os temas propostos, provenientes não apenas dos próprios membros da comissão, mas, sobretudo, do contato direto com professores, conselheiros tutelares, estudantes, funcionários públicos, enfim, pessoas da comunidade inhumense, foram os seguintes: 1. A queimada da palha de cana-de-açúcar; 2. A crise hídrica no Rio Meia Ponte; 3. A necessidade de um abrigo institucional para crianças e adolescentes em situação de risco; 4. A paralização na construção de creches e outras temáticas relacionadas à educação no município; 5. O problema dos animais abandonados; 6. A inexistência ou precariedade no calçamento; 7. A pouca oferta de esporte para crianças e adolescentes da comunidade carente. Como se nota, o conceito de sustentabilidade abordado pela conferência é, como dizem os especialistas, um conceito amplo, envolvendo não apenas as questões ambientais, mas também práticas sustentáveis em educação, cidadania e outras áreas de interesse público.

A Conferência Inhumas Sustentável 2017 teve início com excelente palestra do professor Dr. Renato Araújo Teixeira, do IFG de Inhumas, sobre o tema Inhumas Sustentável. O professor abordou temas como cidadania, sociedade de consumo, educação e as tensões entre a exploração dos recursos naturais e a necessidade de se preservar a vida no planeta!

Após a palestra, o professor Renato Teixeira deu espaço para perguntas e apontamentos. Abordaram-se temas como a compreensão de que o ser humano é parte da natureza, pequenas ações sustentáveis que fazem grandes diferenças, as dificuldades do reflorestamento, o papel da legislação municipal na preservação dos recursos naturais e a urgência de ações objetivas para proteger recursos vitais como a vegetação do cerrado, as fontes de água e os aquíferos.

Em seguida, atingimos o ponto alto de nosso evento: as sugestões de abordagem das temáticas propostas. Os participantes foram, então, divididos em três grupos de discussões dos problemas que foram sugeridos por membros da nossa comunidade. O grupo dessas fotos tratou de duas problemáticas A SECA DO RIO MEIA PONTE e A QUEIMADA DA PALHA DE CANA-DE-AÇÚCAR EM INHUMAS. Destaque para Marcia Vaz, da Comissão Inhumas Sustentável, e para Roberto e Maria, da ONG Agentes Protetores da Terra.

Outro grupo de discussão da Conferência Inhumas Sustentável 2017 tratou de mais duas temáticas sugeridas pela comunidade inhumense: A PRECARIEDADE E INEXISTÊNCIA DE CALÇAMENTO EM ALGUMAS ÁREAS DE INHUMAS e também O PROBLEMA DOS ANIMAIS ABANDONADOS EM INHUMAS. Destaque para Paula Pacheco e Pacheco Júnior, membros da Comissão Inhumas Sustentável, e para Rejane Brito e Cláudia, da Associação Vida de Cão.

O último grupo de discussão da Conferência Inhumas Sustentável abordou três temas sugeridos pela comunidade inhumense: A NECESSIDADE DE ABRIGO INSTITUCIONAL PARA CRIANÇAS EM SITUAÇÃO DE RISCO, A PARALIZAÇÃO DA CONSTRUÇÃO DE CRECHES E OUTROS TEMAS SOBRE EDUCAÇÃO e A POUCA OFERTA DE ESPORTES PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES DA COMUNIDADE CARENTE. Entretanto, houve novas problemáticas sugeridas pelos participantes, como a reavaliação da cobrança de impostos no município.

A Conferência Inhumas Sustentável foi finalizada com a leitura das propostas feitas por cada grupo. Clique aqui para ler o Relatório Final da Conferência Inhumas Sustentável.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: