O fim do Cerrado! Entrevista do Jornal Opção com o professor Altair Sales

O cerrado se foi

Nasci e fui criado em Goiás, vivo aqui até hoje, não pretendo deixar o meu estado para nenhum outro lugar. A não ser que as circunstâncias me forcem. Desde pequeno sempre tive uma ligação muito forte com o Cerrado. Nas férias de meio e fim de ano sempre ia para a fazenda de meus avós ou a outros locais onde sempre estava em contato com a natureza, com as tortas árvores do Cerrado.

Ao longo dos anos de minha existência fui acompanhando com pesar e aflição esse Bioma ser duramente arrasado, dando lugar a pastagens, agricultura e acomodando o crescimento das cidades. Vi rios e córregos que antes tinham muita água sucumbirem a erosão e ao assoreamento.

Estou vendo agora uma fuga das aves para a cidade, pois, não encontram mais alimento da forma como encontravam antes. Se tornaram refugiadas. Processo que num futuro não muito distante irá atingir com força o ser humano, que tal como as aves precisará migrar para buscar locais que possuam água.

Só mesmo quem conhece esse bioma de perto e a imensidão de sua biodiversidade sabe o tamanho da perda que sofremos.

O professor Altair Sales, um dos maiores especialistas no bioma Cerrado nos presenteia com uma excelente entrevista que deu para o Jornal Opção. Para ele, o Cerrado já está extinto e iremos pagar um preço alto, principalmente pela falta do recurso mais precioso e que nos mantém vivos, a água. Clique no link abaixo e leia a entrevista na íntegra.

O Cerrado está extinto e isso leva ao fim dos rios e dos reservatórios de água

3 comentários em “O fim do Cerrado! Entrevista do Jornal Opção com o professor Altair Sales

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s